Tomb Raider: A Origem

Lançamento: Março de 2018

Direção: Roar Uthaug

Sinopse: Aos 21 anos, Lara Croft (Alicia Vikander) leva a vida fazendo entregas de bicicleta pelas ruas de Londres, se recusando a assumir a companhia global do seu pai desaparecido (Dominic West) há sete anos, ideia que ela se recusa a aceitar. Tentando desvendar o sumiço do pai, ela decide largar tudo para ir até o último lugar onde ele esteve e inicia uma perigosa aventura numa ilha japonesa.

Para quem segue o blog não é novidade o fato de eu gostar bastante dos jogos da Lara Croft e também de ter amado esse reboot que fizeram com a personagem nos jogos deixando-a muito mais próxima das mulheres de hoje em dia, ao invés de habitar apenas no imaginário dos homens. Quem quiser ler minha resenha sobre o primeiro jogo dessa nova Lara, clique aqui.

Fiquei imensamente feliz de levarem a nova franquia para o cinema e escolheram uma atriz fisicamente parecida com a nova imagem da Lara. Alicia Vikander tinha uma difícil missão, substituir Angelina Jolie que para muitos será uma eterna Lara, mas não para mim. Vi os filmes anteriores e não curti nenhum, sempre achei a atuação da Angelina muito vazia quando se tratava de Lara Croft.

Antes de ir ao cinema ver o filme comecei a ouvir vários comentários e resenhas dizendo no que o filme pecava e no que ele pontuava. Pelos trailers já pude ver que eles mudaram a história do primeiro jogo (o primeiro filme deveria trazer a história do primeiro jogo da nova franquia), eles fizeram uma mescla do primeiro e do segundo jogo lançado que ainda não joguei. Claro que o marketing não perdeu tempo e usou a estreia do filme para comunicar sobre o lançamento do novo jogo que deve sair agora em setembro. Esse novo jogo fecha uma trilogia de origem da personagem.

Continue Reading

Liga da Justiça

Lançamento: Novembro de 2017

Direção: Zack Snyder

Sinopse: Impulsionado pela restauração de sua fé na humanidade e inspirado pelo ato altruísta do Superman (Henry Cavill), Bruce Wayne (Ben Affleck) convoca sua nova aliada Diana Prince (Gal Gadot) para o combate contra um inimigo ainda maior, recém-despertado. Juntos, Batman e Mulher Maravilha buscam e recrutam com agilidade um time de meta-humanos, mas mesmo com a formação da liga de heróis sem precedentes – Batman, Mulher Maraviha, Aquaman (Jason Momoa), Cyborg (Ray Fisher) e Flash (Ezra Miller) -, poderá ser tarde demais para salvar o planeta de um catastrófico ataque.

É triste como esse filme tem sido muito mal recebido. E como muitas pessoas falam mal dele. Concordo que os primeiros filmes da DC não foram muito bons dessa nova leva, mas creio que esse filme seja um ponto diferencial na história. Como é um filme de origem da Liga da Justiça, com certeza os heróis não tem afinidade logo de cara, então creio que só no próximo filme vamos ver todos os heróis mais integrados.

Fui ver o filme no cinema, o trailer era máximo que tinha visto. Não quis ver as críticas, eu assisti algumas depois para ver o que era coerente ou não. Vi sites grandes do entretenimento dizendo que a DC tinha errado feio e tudo mais. Sinceramente, não penso assim. Acho que todos querem uma nova Marvel no cinema e meio que estão exigindo isso da DC, mas como é óbvio, DC não é Marvel e eles querem trilhar um caminho diferente no cinema o que acho extremamente aceitável.

Continue Reading

Ex Machina

Lançamento: Janeiro de 2015

Direção: Alex Garland

Sinopse: Caleb (Domhnall Gleeson), um jovem programador de computadores, ganha um concurso na empresa onde trabalha para passar uma semana na casa de Nathan Bateman (Oscar Isaac), o brilhante e recluso presidente da companhia. Após sua chegada, Caleb percebe que foi o escolhido para participar de um teste com a última criação de Nathan: Ava (Alicia Vikander), uma robô com inteligência artificial. Mas essa criatura se apresenta sofisticada e sedutora de uma forma que ninguém poderia prever, complicando a situação ao ponto que Caleb não sabe mais em quem confiar.

Inicialmente a minha motivação para ver o filme foi por ter a atriz Alicia Vikander, apesar de ter já ouvido várias críticas positivas sobre este filme. Alicia é a nova Tomb Raider nos cinemas e isso me motivou a procurar mais sobre o trabalho dela para saber se realmente ela é uma boa atriz.

Este filme traz um elenco bem reduzido e uma narrativa carregada de muito questionamento e mistério. Caleb ganha o concurso e vai passar uma semana na casa do presidente de sua companhia, o que ele não esperava era que Nathan queria usá-lo em um teste para poder interagir com sua última criação e atestar se ela tem ou não inteligência artificial.

No inicio tudo é muito empolgante para Caleb, mas depois as coisas começam a tomar outro formato. Ele conhece um novo “eu” de seu chefe que o faz se questionar sobre várias coisas. Além do fato de Ava se mostrar sempre tão aberta a um relacionamento mais próximo com ele.

Continue Reading

Descendentes 2

Lançamento: Agosto de 2017

Direção: Kenny Ortega

Sinopse: Ben (Mitchell Hope), agora Rei de Auradon, Mal (Dove Cameron), Evie (Sofia Carson), Carlos (Cameron Boyce) e Jay (Booboo Stewart) continuam estudando juntos enquanto vivem grandes aventuras. Entretanto, uma nova ameaça surge quando Uma (China Anne McClain), filha da terrível Ursula, Harry Gancho (Thomas Doherty), filho do Capitão Gancho e Gil (Dylan Playfair), filho de Gastón, decidem arranjar confusão com os amigos.

Confesso que quando assisti ao primeiro filme eu não curti. Tinha pensado que a temática seria interessante, mas passou bem longe disso, sem falar que eles focavam em pontos da narrativa que não tinha nada haver. Cheguei a ficar triste pela personagem Evie não ter um desenvolvimento tão bom como o da Mal. Sem falar que os pais dos descendentes estavam caricatos demais o que me incomodou bastante.

Então demorei um pouco a ter interesse para ver a continuação. É visível a mudança tanto na direção de arte como na forma de condução da história com muitas reviravoltas inesperadas. A nova vila é a Uma, filha de Úrsula, que trás uma oposição muito interessante para a história juntamente com seus fiéis escudeiros o filho do Gaston e o filho do Capitão Hook.

Continue Reading

Casamento Grego 2

Lançamento: Março de 2016

Direção: Kirk Jones (II)

Sinopse: Toula (Nia Vardalos) e Ian (John Corbett) continuam juntos e passam bastante tempo tentando compreender a problemática filha adolescente. Quando os pais de Toula descobrem que sua união nunca foi oficializada pela religião, todos os Portokalos se reúnem para mais um grande casamento grego.

O primeiro filme foi um sucesso estrondoso, e logo as conversar para o filme dois começaram, mas como tudo no cinema é incerto o projeto foi postergando cada vez mais até que finalmente ocorreu. No atual cenário se passaram 14 anos do casamento de Toula com Ian, eles possuem uma filha adolescente chamada Paris (Elena Kampouris).

Num primeiro momento vemos que a relação dos pais com Paris está bem conflituosa, Toula percebe ao longo dos anos que Paris começa a viver a vida dela sem depender tanto da mãe então para poder ficar mais presente ela começa a participar de todos os grupos possíveis de pais na escola dela e isso começa a sufocar Paris. Ao mesmo tempo em que seu pai, Ian, é o diretor da escola.

Também podemos dizer que família grega não dá espaço para Paris e seu avó já inicia logo conversar sobre querer casar ela com algum garoto grego. Para complicar mais, ela está na fase que deve escolher qual universidade deve cursar. Claro que seus pais e sua família a pressionam para ficar nua universidade próxima, mas Paris quer mesmo ir para Nova York, bem longe.

Continue Reading