Especiais Livros

Especial Niver 7 Anos – Série Mediadora I – Meg Cabot

01/03/2015
Livro: A Terra das Sombras
Série: A Mediadora
Editora: Galera Record

 

Sinopse: A Terra das Sombras – Falar com um fantasma pode ser assustador. Ter a habilidade de se comunicar com todos, então, é de arrepiar qualquer um. A jovem Suzannah seria uma adolescente nova-iorquina comum, com seu indefectível casaco de couro, botas de combate e humor cáustico, se não fosse por um pequeno detalhe. Ela conversa com mortos. Todos eles. Qualquer um. Ela é uma mediadora, em termos místicos, uma pessoa cuja missão é ajudar almas penadas a descansar em paz. Um dom nada bem-vindo e que a deixa em apuros com mãe e professores. Como convencê-los da inocência nas travessuras provocadas por assombrações. A história começa com a mudança de Suzannah para a ensolarada Califórnia e, para seu desespero, uma casa do século passado. Assombrada, claro. Só que por um fantasma bonitão, que nada faz para assustá-la. Muito pelo contrário. Os problemas de Suzannah, porém, não estão só no lar, mas também na escola. Lá, o espírito de uma garota, que se matou por causa do namorado, ameaça a segurança de todos. Só Suzannah com suas habilidades e poderes especiais pode salvar seus amigos e professores da fúria terrível de uma assombração com grandes poderes…
Eu já gostava antes da Meg Cabot quando li a série do Diário da Princesa. Sou super fã dessa escritora. As pessoas me falavam dessa outra série dela e sempre ficava com um pé atrás, achando que não ia gostar e que possivelmente a protagonista seria uma cópia da Mia. Como eu estava errada… Suzannah é extremamente diferente de Mia, muito mesmo. Não dá nem para comparar.

Claro que Suzannah tem seus problemas, mas ela tenta lidar o melhor que pode com o dom que recebeu e sempre tenta proteger os outros. O livro tem um toque de humor muito legal e simplesmente adoro quando ela comenta coisas que não deveria pensar. Isso é tão eu.
O fato dela usar coturno, jaqueta preta, e muita roupa preta, mesmo sem querer, já faz ela ser mais vista pela cidade. Sem falar do fato de que todos na cidade amam quem é de Nova York. Pra ela, vir morar em uma cidade tão diferente de NY, com certeza é difícil. Assim que conhece seus novos irmãos, logo dá apelidos para eles… Soneca, Dunga e Mestre, esse ato dela torna o livro e a própria personalidade dela única.
Aos poucos ela vai conhecendo seus novos irmãos melhor e “Mestre” recebe o direito de ser chamado por seu próprio nome. Isso mostra como ele aos poucos foi conquistando a confiança da sua nova irmã. É muito legal ver a amizade que vai se desenvolvendo aos poucos entre os dois.
O encontro dela com Jesse (o fantasma espanhol que mora em seu novo quarto) é eletrizante. Ela, claro, se faz de durona e ele fica chocado que depois de tantos anos alguém possa vê-lo ou até mesmo falar e tocar nele. Isso com certeza mudas as perspectivas dele, apesar de não ter sido tão explorado esse relacionamento deles, espero que nos próximos volumes seja mais aprofundado.
Os amigos que Suzannah faz na escola são os rejeitados. Ohhhhh novidade né?! Considerando o fato dela ser tão atípica, com certeza escolheria melhor seus amigos do que simplesmente pessoas vazias. E quem melhor do que um nerd para ser seu amigo? rsrsrs
Agora achei o padre Dominic bonzinho demais, as vezes parecia até surreal, espero que nos próximos livros ele tenha uma visão não apenas de compaixão, mas também mais profunda sobre os seres humanos. Sei que ele é um padre, mas as vezes parecia que ele vivia num mundo de sonhos… Muito estranho.
A mãe de Suze e seu novo pai são muito fofos, fico feliz que pelo menos em algumas famílias o novo casamento de seus pais são tão bem aceitos assim. Pois a verdade é que sempre somos cheios de preconceitos e sentimentos que colocam mais e mais obstáculos para qualquer mudança que possa aparecer na nossa frente, então antes de analisarmos melhor a questão dizemos não. E aí o conflito já está formado. Então Meg retratou uma família bem diferente disso, e fiquei feliz por isso, pois sei que também existem exceções.
Agora vamos ver o que espera Suzannah no próximo volume, mal posso esperar que o relacionamento dela com o Jesse se aprofunde rsrsrsr.

 

Você pode ler também...

9 Comentários

  • Reply Hangover at 16 (contato) 01/03/2015 at 7:25 pm

    Posso te garantir que os próximos volumes não vão te decepcionar! Essa é uma das minhas séries preferidas, adoro todo esse clima de terror envolto de romance, é algo que a Meg soube abordar com grande maestria. Adorei a resenha *-*

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br
    Tem resenha nova no blog de "GATACA", vem conferir!

  • Reply Inês Gabriela A. 02/03/2015 at 1:52 pm

    Olá,
    Esse foi o único livro da Cabot que eu gostei até hoje, sério. Preciso comprar a continuação da série, isso é que é complicado, demoro séculos pra comprar tudo, rsrs.
    Beijos.
    Memórias de Leitura – http://memorias-de-leitura.blogspot.com.br/

  • Reply Camila Teixeira 02/03/2015 at 10:01 pm

    Eu adorooo a Meg Cabot e tenho uma amiga que é loouca por essa série, não sei se é meu tipo de livro, mas gostaria de tentar ler um dia!

    http://www.livrologias.com/

  • Reply Andy Nantes 03/03/2015 at 2:33 pm

    Oi!
    Sério, fiquei emocionada com a sua resenha, senti tanta nostalgia ao lê-la! A Mediadora foi uma das primeiras séries que eu já li (a segunda, na verdade – Crepúsculo foi a primeira, rs) e esse livro foi um dos que me incentivou a ler mais e eu fiquei apaixonada pela Meg e seus livros, adoro o trabalho dela! Sem comentários com a sua resenha, ficou ótima!! E me deu vontade de reler essa série incrível!
    Beijos,
    Andy – StarBooks

  • Reply Kelen Vasconcelos 04/03/2015 at 12:51 am

    Oi Carol!
    Também estou curtindo a série. Agora estou lendo o segundo livro, em breve devo postar mais uma resenha do especial, espero que acompanhe comigo ^^
    Bjos

  • Reply Kelen Vasconcelos 04/03/2015 at 12:52 am

    Oi Inês!
    Eu comprei todos juntos numa promoção. Ainda ganhei uma bag personalizada… Só assim pra ler essa série que só tinha ouvido falar. Tô curtindo bastante, mas Mia continua sendo minha favorita.
    Bjoss

  • Reply Kelen Vasconcelos 04/03/2015 at 12:53 am

    Oi Camila!
    Leia o primeiro, tenho certeza que vai curtir! Ainda estou lendo o segundo e não me decepcionou.
    Bjoss

  • Reply Kelen Vasconcelos 04/03/2015 at 12:55 am

    Obrigada Andy!
    Tô gostando bastante, e acompanhe comigo então para comentarmos os pontos que vc quiser sobre os próximos livros 😉
    Bjoss

  • Reply Ana Maria Cordeiro 31/03/2015 at 3:22 pm

    Faz muito tempo que li esse livro mas não continuei a série… Lembrei que amei a história e acho que esta é uma ótima fase para continuar as leituras. o/ Obrigada pela inspiração.

    Espia aqui>> http://www.pontonoconto.blogspot.com.br/

  • Leave a Reply