Balanço 2017

Lembro muito bem da virada de 2016 para 2017 e o tanto que eu achava que esse ano seria maravilhoso para mim. Bem… Não foi exatamente isso o quê aconteceu. Em março minha avó materna faleceu e em julho meu pai faleceu. Não vou entrar em detalhes em como eles faleceram, mas podem ter certeza que tudo isso me trouxe muito sofrimento, de diversos tipos.

Quando você enfrenta uma carga muito grande de dor, pode ter certeza que vai descobrir quem você realmente é e no que realmente acredita. Foi um divisor de águas para mim e posso dizer que não sou a mesma. Eu mudei. E essa sensação que eu tive, confirmei com outras pessoas que perderam pessoas muito próximas, todas elas declaram o mesmo. Você nunca mais será capaz de enxergar as coisas da mesma forma, e isso realmente aconteceu comigo.

Vocês sabem que sou cristã e sempre pratiquei a minha fé, então nesse momento de dor extrema eu me apeguei ainda mais a Cristo e ao consolo do Espírito Santo. Eu me perguntava “Como as pessoas enfrentam esse tipo de dor e seguem em frente?” Só tem uma resposta: Deus nos fortalece a seguir em frente. Por isso a primeira frase inspiradora que usei no meu planner para Janeiro é o versículo: “Tudo posso naquele que me fortalece” Filipenses 4:13.

Deus é o ponto mais importante de todo esse processo, mas também tem as pessoas que ele levanta para nos ajudar, sendo da família ou não. E graças a Deus posso dizer que tive amigos incríveis que estiveram do meu lado. Da mesma forma que também encontrei enormes decepções de pessoas que achava que me amavam e queriam o meu bem e que foram super frios comigo.

Também tive a minha primeira viagem para São Paulo onde participei da CCXP 2017 e foi uma aventura incrível que por várias vezes pensei em cancelar. Graças a Deus não fiz isso e pude curtir experiências únicas com meus amigos.

Então, no geral, 2017 para mim foi uma guerra para me reerguer e me manter de pé. Graças a Deus, não tenho nenhum arrependimento na partida do meu pai e da minha avó. Os amei demais. E os fiz saber disso. Este é o ponto mais importante que tenho hoje para trazer para vocês. É importante que nós verbalizemos o tanto que amamos as pessoas que estão a nossa volta, família ou não. Não é aquela coisa que todos dizem “Não deixe para amanhã o que pode se fazer hoje”. Não é isso, é sobre valorizar realmente as pessoas que estão do seu lado e fazê-las saber disso. Sempre.

Não apenas eu, mas toda minha família estávamos loucos para a virada de 2017 para 2018. Tenho planos, projetos e sim, muitas metas que pretendo alcançar neste novo ano. Convido a estarem comigo nessa aventura de 2018, creio que será única em nossas vidas.

Desejo um 2018 maravilhoso para todos nós!

Abraço, e até o próximo post o/

Talvez você também goste...

9 Comentários

  1. Oi, Kelen!
    Lamento muito pela sua perda… Nunca perdi alguém muito próximo, mas só imagino o quão desestabilizados ficamos e o tempo necessário para nos reerguermos e continuarmos seguindo a vida em frente. É mesmo de grande importância verbalizar o que a pessoa significa pra gente, nunca sabemos o dia de amanhã.
    Na vida tudo é uma balança, né? Ao mesmo tempo que 2017 foi difícil, você também teve alegrias como o evento, e desejo com toda a força um 2018 repleto de conquistas e felicidade pra você!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br

  2. Sinto muito em saber das suas perdas, Kelen. A gente realmente nunca sabe pelo que os outros estão passando… Mas me parece que você saiu disso ainda mais fortalecida e em tudo acho que a gente pode tirar uma lição de vida, mesmo das piores tragédias. Enfim, que seu 2018 seja de recomeços, ainda mais realizações e que as lágrimas sejam apenas de riso. Que Deus bendiga seu ano! Abraço

  3. Sobre descobri quem é depois de uma perda dolorosa, você tem TODA razão é assim mesmo. 2016 foi o ano no qual enfrentei minha pior perda e tudo ficou diferente, o mundo é diferente agora. Ainda não tenho grandes projetos para 2018, ainda não tomei coragem de fazer grandes planos, mas pretendo continuar vivendo um dia de cada sendo a melhor professora que puder ser. Amém para seus desejos, espero que 2018 seja bom para você, para nós, que Jesus continue nos ajudando.

    1. Obrigada pela força Jaci.
      Você tem razão, tudo tem que ser ao seu tempo. Eu também não tenho me forçado em nada.
      Temos que viver o sofrimento assim como vivemos as alegrias.
      Desejo que Deus abençoe muito esse novo ano para você e que seja cheio de felicidade.
      Bjos

  4. Esse ano não foi fácil né amiga?
    Espero que eu tenha sido uma boa amiga pra você nesses momentos mais difíceis e desejo de coração que esse ano de 2018 seja mais gentil. sabe que pro que precisar vou estar sempre aqui.
    bjus
    Amanda Almeida

    1. Oi amiga,
      É claro que vc foi e tem sido uma amiga maravilhosa ^^
      Creio que esse ano será maravilhoso para nós 🙂
      Bjos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *