Pensamentos

Medo

08/09/2014
Sabe aquele sentimento que se apodera de você, mesmo que não quer, e te deixa impotente? Te deixa sem reação ou te faz ter uma reação louca e impensada? Ele te paralisa. Ele te domina.
Quando atravessa um beco escuro, tarde da noite e até o barulho de seus passos te apavora. Quando as sombras das árvores viram sombra de pessoas que olham para você. Coisas inanimadas ganham vida…
Então vestimos uma capa de tranquilidade para camuflar nosso sentimento “vergonhoso” e procuramos finalizar logo o que estamos fazendo.
“Medo? Eu? Nunca!”

É do ser humano sentir medo. Medo de pessoas amadas morrerem ou irem embora. Medo de não serem aceitas. Medo de fracassar. Medo de não conseguir algo, objeto ou objetivo. Medo de ser atacado na rua tarde da noite ou durante o dia. Medo de que coisas ruins aconteçam. Medo de enfrentar seu próprio medo.
Vamos nos despojar do nosso “eu” e encontrar conforto em um versículo da Bíblia:
O Senhor, pois, é Aquele que vai adiante de ti; Ele será contigo, não te deixará, nem te desamparará; não temas, nem te espantes
  
Deuteronômios 31:8
O Senhor guerreia por nós, basta você pedir e entregar todas as coisas em Suas mãos. Ele cuida de você até quando dorme, mais ainda cuidará durante suas horas difíceis. Confie. Permaneça. Espere. Tudo Ele sabe e tudo está em Seu controle.

You Might Also Like

2 Comments

  • Reply Roberta G. LivroseCores 08/09/2014 at 7:43 pm

    Olá, tudo bem?
    Que ótimo texto! Você que escreveu? Sua escrita é simples e arrebatadora!
    Super beijos <3
    Uma dica: coloque a caixinha de comentários aqui em baixo do texto mesmo, fica ruim trocar de página para comentar.
    http://livros-cores.blogspot.com.br/

  • Reply Kelen Vasconcelos 08/09/2014 at 8:16 pm

    Olá Roberta! Estou ótima e você? Sim, a escrita é minha, fico feliz que tenha gostado. Todo o conteúdo que coloco aqui é totalmente de minha autoria =)
    Obrigada pela dica, vou procurar como se faz.
    Outro beijo pra você!

  • Deixe uma resposta para Kelen Vasconcelos Cancel Reply